Imprensa

16/09/2015

Degradação do solo: problemática com altos custos

A Organização das nações unidas (ONU), divulgou nesta terça-feira (15) um estudo que mostra que a degradação do solo causa um custo de trilhões de dólares na economia mundial por ano.

O estudo publicado pelo “The Economics of Land Degradation” (ELD) diz que 52% das terras agrícolas já estão danificadas. A perda estimada entre U$6,3 trilhões e U$10,6 trilhões é calculada com as perdas de benefícios, como produção de comida, madeira, medicamentos, agua fresca, ciclo de nutrientes ou absorção de gases causadores do efeito estufa.

O estudo citou uma descoberta da ONU feita em 2012 de que até 50 milhões de pessoas poderiam ser forçadas a buscar novas casas em um década por conta da desertificação.

 

Fonte: Ambiente Brasil

-

Compartilhe isto:


Galeria de Imagens

Comente esta Notícia
+55 (54) 3055.8700 / 99109.1113 / 99128.6149 - proamb@proamb.com.br

© Todos os Direitos Reservados 2013 | Fundação Proamb