Imprensa

24/03/2015

I Encontro Técnico Brasil – Alemanha: Tratamento de Resíduos acontece nesta quarta e quinta-feira

A Fundação Proamb, nos dias 25 e 26 de março, realiza o I Encontro Técnico Brasil – Alemanha: Tratamento de Resíduos. O evento é direcionado para gestores, engenheiros ambientais, analistas de meio ambiente, engenheiros químicos, químicos, técnicos de segurança do trabalho e responsáveis pela gestão de resíduos que atuam no setor público ou privado.

O encontro é um espaço para reunir profissionais que atuam com gestão e gerenciamento de resíduos sólidos e/ou interessados na temática. Tendo como intuito a apresentação de tecnologias e soluções, tais como: o reaproveitamento energético, técnicas de remediação, destinação final.

Na oportunidade, estarão ministrando, o PhD Gerold Hafner, o Dr. Erwin Thomanetz, Axel Bernstorff, Dominik Leverenz e Matthias Rapf, representando a Alemanha, André Gomes, representando Portugal, Gustavo Fiorese, Mario Guilherme Sebben, Evaldo Oliveira, Nedio de Lazari, Luciano Ávila, Mario Rogerio Kolberg Soares, Diógenes Del Bel, Gilberto Meletti, Ana Maria Pellini, Carlos Roberto Lima Paganella e Gustavo Teixeira e Silva, representando o Brasil.

O PhD Gerold Hafner, é engenheiro civil, professor de Mestrado da Universidade de Stuttgart, no departamento de gestão de resíduos. É chefe da consultoria “TGU-Resources” da Universidade de Stuttgart e é especialista na área de gestão de recursos e resíduos industriais. Possui experiência internacional em diversos projetos no Brasil, Espanha, Turquia e Marrocos. É gestor de projetos desenvolvendo conceitos de biogás; prevenção da produção de resíduos alimentares; gestão de recursos e resíduos industriais e gestão de resíduos sólidos municipais.

O Dr. Erwin Thomanetz, especialista em Pirólise de Resíduos, oficialmente nomeado e certificado pela Câmara de Comércio alemã, membro do Conselho Consultivo da Associação de Áreas Contaminadas de Baden-Wuerttemberg.  Possui experiência internacional nos EUA, Inglaterra, Luxemburgo, Bélgica, Dinamarca, Noruega, Turquia, Coreia, Japão, China, Quirguistão, Colômbia, Quênia, Etiópia entre outros.  Foi chefe do departamento de gestão de resíduos na Universidade de Stuttgart.

O profissional Gustavo Fiorese é supervisor da unidade de Coprocessamento da Fundação Proamb, engenheiro Químico pela UCS, pós graduando em Engenharia de Produção pela Unisinos. Ele já ministrou inúmeras palestras, inclusive no Fórum Técnico – Resíduos & Energia realizado pelo Portal Tratamento de Água  em conjunto com a  Revista Pollution Engineering.

O gerente de vendas da empresa Lindner Recyclingtech, responsável por Portugal, Espanha e países da América do Sul, André Gomes. Ele é graduado em engenharia Química Industrial e possui especialização em Vendas e Gestão Comercial. Tem 15 anos de experiência em gestão de vendas, técnicas, desenvolvimento e soluções de produtos.

Evaldo Oliveira, que é gerente na Unidade de Negócios Epsilon na Madal Palfinger S/A. Graduado em Engenharia Mecânica pós-graduado em Gerenciamento de Projetos. Possui qualificação em planejamento de feiras e eventos de Roadshow para segmentos de reciclagem e florestais, mais de 8 anos de experiência em desenvolvimento e liberação de projetos de máquinas agrícolas, em empresa multinacional, 5 anos de experiência na especificação de guindastes para movimentação de resíduos e produtos no segmento de reciclagem e 3 anos na coordenação da ISO9000, ISO14000 e ISO 18000 na área de Engenharia do Produto, participando da atualização da versão 94 para 2000 da ISO 9000 e auditor interno ISO9000.

 Mario Guilherme Sebben, é formado em engenharia elétrica, fundador e Diretor Presidente do Grupo Datasys, composto pelas empresas Datasys Companhia de Processamento de Dados, Dueto Tecnologia e ApliquimBrasil Recicle. E integrante do GTT Lâmpadas no Ministério do Meio Ambiente em Brasília, grupo encarregado de implementar o processo de logística reversa para lâmpadas no Brasil.

Nedio De Lazari, vendedor técnico de equipamentos para tratamento de lodos da área de frigoríficos, celuloses, curtumes, têxtil e laticínios e representante comercial na área de equipamentos para frigoríficos e incubatórios.

Luciano Ávila, sócio-diretor da EcoREG do Brasil – Consultoria de Serviços Ambientais Ltda. Engenheiro químico, graduado pela PUC/RS, possui especialização em tratamento e eliminação de resíduos perigosos na Alemanha e mestrado pela UFPR/Universidade de Stuttgart em Meio Ambiente Urbano e Industrial, na área de aplicações de tecnologia de oxidação química para remediação de águas subterrâneas. Atua na área de meio ambiente há mais de 15 anos, tendo realizado diversos cursos e treinamento na Alemanha na área de Passivos Ambientais. Experiência em Investigação e remediação de áreas contaminadas por diferentes substâncias químicas, assim como na elaboração de PGRS – Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos. Foi Consultor e Assessor técnico do Senai/PR, sendo o responsável pelo Projeto de Cooperação Técnica na área de Meio Ambiente, entre Senai/PR e o estado Baden-Württemberg, Alemanha.

Mário Rogério Kolberg Soares, engenheiro químico, especialista em planejamento, saneamento básico e administração de recursos ambientais, especialista em tratamento, minimização e destinação final de resíduos sólidos industriais perigosos, gerente operacional do Sistema Centralizado de Resíduos Sólidos do Pólo Petroquímico do Sul. Graduado em administração de empresas e administração pública, atual técnico da Fundação Estadual de Proteção Ambiental Henrique Luís Roessler (FEPAM), na área de resíduos sólidos e passivos ambientais industriais.

Diógenes Del Bel, engenheiro de produção graduado pela Escola Politécnica da USP, Pós-graduado em administração pela FEA-USP e pela FGV, Mestre em engenharia de produção pela Escola Politécnica da USP. Diretor presidente da Abetre (Associação Brasileira de Empresas de Tratamento de Resíduos) e ex dirigente das empresas Essencis Soluções Ambientais, Teris do Brasil Incineração, Vega Engenharia Ambiental e Cobrapi Projetos Industriais.

Axel Bernstorff, graduado em Engenharia de Processos e Técnicas de Meio Ambiente. Possui experiência nas áreas de planejamento e projeto para construção de plantas em indústrias químicas. Planejou e iniciou uma planta de cloro alcalino e eletrolise de hidrogênio. Desde 1992 atua como Gerente de projetos da Harbauer GmnH em Berlim, sendo responsável pelo planejamento, instalação e funcionamento de inúmeros sistemas para tratamento de remediação de aguas subterrâneas de diferentes áreas contaminadas.

Ana Maria Pellini, graduada em Ciências Contábeis pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs), instituição onde atuou como professora, Ana Pellini é também mestre em Administração Pública. É Servidora pública do Estado, foi auditora da Secretaria da Fazenda do Estado, diretora-geral do Tribunal de Justiça, diretora-geral da Secretaria Estadual da Segurança Pública e presidente da Fundação Estadual de Proteção Ambiental (Fepam). Também esteve à frente da Secretaria-Geral de Governo, foi secretária de Licenciamento e Regularização Fundiária da Prefeitura de Porto Alegre e atualmente é responsável pela Secretaria do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável do Rio Grande do Sul.

Gilberto Meletti, graduado em Engenharia Mecânica pela Universidade de Caxias do Sul, é Gerente Comercial, de Comunicação e Marketing na Companhia de Desenvolvimento de Caxias do Sul (Codeca), empresa de economia mista da Prefeitura de Caxias do Sul. O departamento é responsável pelo desenvolvimento de campanhas e palestras de educação ambiental. Também é membro integrante da comissão de implantação do sistema de coleta mecanizada de RSU (orgânico e seletivo) em Caxias do Sul.

Dominik Leverenz, pesquisador na Universidade de Stuttgart, no departamento de gestão de resíduos. Trabalha com o gerenciamento de resíduos sólidos como análise gravimétrica dos resíduos sólidos, conceitos de biogás, prevenção da produção de resíduos alimentares e gestão de resíduos hospitalares. Desenvolveu um software para prevenir resíduos alimentares na gastronomia e no setor do turismo.

Matthias Rapf, graduado em engenharia ambiental, cientista e palestrante na Universidade de Stuttgart, do grupo de trabalho de gestão de recursos e resíduos industriais. Pesquisa e faz consultoria sobre gestão de recursos industriais; tratamento térmico e físico-químico de resíduos e águas residuais industriais; recuperação de recursos provenientes de resíduos industriais; limpeza de locais contaminados; analítica de lixo tóxico. Trabalha em cooperação com parceiros industriais de grande e pequeno porte, bem como órgãos públicos.  

Gustavo Teixeira e Silva, graduado em design industrial pela Rhode Island School of Design (RISD), coordenou o departamento de pesquisa & desenvolvimento da EcoBras Tecnologia Ambiental – organização brasileira especialista no desenvolvimento de Usinas de Incineração de grande porte. Foi líder do processo de Inovação para a conceituação e desenvolvimento da tecnologia Termolix, da empresa Atteris - Tecnologia & Gestão Ambiental e, atualmente é diretor presidente do Grupo EcoBras e diretor executivo de negócios da Atteris.

E Carlos Roberto Lima Paganella, graduado em direito, mestre em Teoria do Direito e Direito do Estado. Foi Promotor de Justiça onde atuou na Defesa do Meio Ambiente, Consumidor, Infância e Juventude.  Já atuou como Promotor de Justiça de Família e Sucessões, Promotor-Assessor na Assessoria Jurídica do Procurador Geral de Justiça em Porto Alegre e Promotor Secretário da Secretaria dos Órgãos Colegiados, Promotor de Justiça na Procuradoria de Fundações e Promotor de Justiça da Vara da Fazenda Pública de Porto Alegre. Foi Promotor de Justiça na Promotoria Especializada de Defesa do Meio Ambiente de Porto Alegre. Atualmente é Procurador de Justiça e Coordenador do Centro de Apoio Operacional de Defesa do Meio Ambiente (MPE-RS).

O I Encontro Técnico Brasil – Alemanha: Tratamento de Resíduos acontece no Sindicato dos Engenheiros – Senge (Avenida Érico Veríssimo, 960 - Menino Deus), em Porto Alegre, das 8h às 12h30min e das 13h30min às 18h15min, totalizando a carga horária de 17h. O encontro conta com o apoio da Câmara Brasil Alemanha (AHK), Associação Brasileira de Empresas de Tratamento de Resíduos (Abetre), Trombini Embalagens, Instituto Brasileiro de Tecnologia do Couro, Calçados e Artefatos (Ibtec) e Secretaria do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, e o patrocínio de Ambe, EcoREG do Brasil, Lindner Recyclingtech, Madec, Palfinger, ApliquimBrasil Recicle, Vinícola Salton e LJC Soluções Ambientais e Harbauer. 

-

Compartilhe isto:


Galeria de Imagens


Vanessa Bruinsma - Jornalista 


Comente esta Notícia
+55 (54) 3055.8700 / 99109.1113 / 99128.6149 - proamb@proamb.com.br

© Todos os Direitos Reservados 2013 | Fundação Proamb